quarta-feira, junho 27, 2007

Que e quem


Algumas pessoas fazem confusão com o emprego destas duas palavras: que e quem.

Ora bem o pronome relativo quem "pede" que se empregue o verbo na
3ªpessoa do singular.

Ex.:Fui eu quem comeu o bolo.
Foste tu quem abriu a porta.

Foi aqui que surgiu a confusão!

Não é propriamente errado dizer-se assim, mas é um artificialismo desnecessário.
Na linguagem corrente de português moderno, diz-se:

Fui eu que comi o bolo.
Foste tu que fechaste a porta.


Assim, podem usar quem utilizando o verbo na 3ªpessoa do singular.
Mas é preferível usar-se que, porque não fica uma linguagem tão "artificial"!





Foste tu que pediste que te explicasse este assunto?

10 comentários:

D. Maria e o Coelhinho disse...

I DON´T WANT TO BE A BUTTERFLY
ANYMORE !


D MARIA

Alexandre disse...

Fantástica explicação, porque realmente no português corrente as pessoas usam mais o «que» e o «quem», embora seja o corrente, parece que não soa bem!

Ainda bem que nos vieste elucidar! Obrigado!

Muitos beijinhos!!!

José Alberto Mostardinha disse...

Olá:

Assim sendo sou eu que(m) devo(e) aprender a lição.

Bjs,

Professorinha disse...

Ora cá está algo em que eu não tinha pensado... Por acaso eu uso sempre QUE...

Beijos

margusta disse...

Um blog a visitar sempre!!!...
Aprende-se por aqui :)))

Obrigada pela tua visita nos meus " Momentos Sentidos"...

Deixo um beijinho.

astuto disse...

Muito útil! Como diria o Vasco Santana: "compreendi-te!"

Cumps!

MalucaResponsavel disse...

Vivendo, aprendendo... :)

José Alberto Mostardinha disse...

Olá:

Bom fim de semana.
Um beijo,

Vieira Calado disse...

Ensinar português, precisa-se.
Faz bem.
Eu, apesar de ser mais dedicado às letras, também me esforço por divulgar as ciências, a que este país tanto é avesso.
Um abraço.

Isabel disse...

Esta deixou-me a pensar!!!
Quantas vezes não ligamos a estes "artificialismos"?!
Obrigada pelo alerta.

Bjt